Autores internacionais em solo brasileiro em Agosto? É só na Bienal do Livro SP!

0
1107

Os amantes da literatura estrangeira podem comemorar porque tem nomes aclamados confirmados para essa edição da Bienal do Livro SP.

Vale – e muito! – sonhar e na Bienal Internacional do Livro SP 2018 você também pode realizar. Veja quem você encontrará por lá:

 A.J. Finn

Formado em Oxford, A. J. Finn é ex-crítico literário e já escreveu para diversas publicações, incluindo Los Angeles Times, The Washington Post e The Times Literary Supplement. A mulher na janela, seu primeiro romance, foi vendido para 36 países e está sendo adaptado para o cinema numa grande produção da 20th Century Fox. Natural de Nova York, Finn viveu por dez anos na Inglaterra antes de voltar para sua cidade natal, onde mora atualmente.

Charlie Donlea 

Vive em Chicago com sua esposa e dois filhos pequenos. Um de seus hobbies é pescar em lugares praticamente desertos do Canadá. Essas viagens por estradas paradisíacas inspiraram o cenário para o seu livro de estreia. Ávido leitor, é também apaixonado por música, filmes, seriados e esportes. Quando decidiu escrever seu primeiro livro, ele se preparou para produzir algo como tudo o que gosta de encontrar nos seus filmes e livros prediletos: uma história capaz de deixar o leitor refletindo sobre ela por muito tempo depois de terminada a leitura.

David Levithan 

Autor e editor de literatura “Young Adult”, o americano David Levithan tem um texto característico, que mistura doçura, humor e sensibilidade, em enredos com personagens de todos os tipos, cores, gêneros e sexualidades. Com a temática LGBTQ como carro-chefe, suas obras são publicadas no Brasil pela Editora Galera.

Lauren Blakery
Autora best-seller do New York Times e nº 1 do Wall Street Journal, a autora best-seller Lauren Blakely é conhecida por seu estilo contemporâneo de romance que é quente, divertido e sexy. Mora na Califórnia com sua família e planejou romances inteiros enquanto caminhava com seus cachorros. Com quatorze best-sellers do New York Times, já vendeu mais de 2,5 milhões de livros. Seu trabalho foi traduzido em onze idiomas, e ela ama criar contato direto com leitores em todo o mundo.

Marissa Meyer

Marissa Meyer mora em Tacoma, Washington, com o marido e os dois gatos. É fã de muitas coisas nerds (Sailor Moon, Firefly, organizar as estantes por cor…) e é apaixonada por contos de fadas desde criança – e não pretende abandonar isso. Ela pode ser ou não uma ciborgue. A autora já declarou, em suas redes sociais, que tem enorme vontade de vir ao Brasil promover seus livros.

Soman Chainani 

Soman Chainani é fascinado por conto de fadas. Best-seller do New York Times, o escritor tem publicado pela editora Gutenberg a aclamada série “A escola do bem e do mal” que teve seu terceiro volume lançado em 2016. Após uma pausa de dois anos, o autor volta para a alegria dos fãs com o quarto volume em tempo para a Bienal do Livro de São Paulo! Graduado em Harvard, ainda na universidade escreveu uma tese sobre os motivos pelos quais as mulheres malvadas eram representadas como vilãs irresistíveis. Além de escritor, Soman é um roteirista aclamado, seus filmes já foram exibidos em mais de 150 festivais ao redor do mundo, tendo ganhado mais de 30 prêmios de júri e público.

Tessa Dare

Tessa Dare é autora best-seller do The New York Times e do USA Today, com romances de época e eróticos. Seus livros já venderam mais de meio milhão de exemplares e ganharam inúmeros prêmios, entre eles o RITA. Com uma mistura de humor, sensualidade e muita emoção, Tessa escreve tramas que fisgam o leitor desde a primeira página.

Victoria Aveyard 

Victoria Aveyard cresceu numa cidadezinha em Massachusetts e frequentou a Universidade do Sul da Califórnia, em Los Angeles. Ela se formou como roteirista e tenta combinar na sua escrita seu amor por história, explosões e heroínas fortes. Sua série “A Rainha Vermelha”, publicada pela Editora Seguinte, já vendeu mais de 400 mil exemplares no Brasil e teve os direitos cinematográficos adquiridos pela Universal. O filme será dirigido por Elizabeth Banks.

Yoav Blum 

“Os criadores de coincidências”, se tornou um best-seller instantâneo em Israel antes de ser traduzido para diversos idiomas. O romance foi adquirido pela Editora Planeta após um concorrido leilão e foi publicado no Brasil em 2017. Com mais de 50 mil cópias vendidas em Israel, o livro já teve os direitos adquiridos para o cinema.

 

Veja a programação cultural confirmada e programe-se para encontra-los!

Ah, mas lembre-se, o ponta pé inicial para realizar esse sonho é comprar o ingresso para a Bienal Internacional do Livro SP 2018. Clique aqui para acessar a área de compra.

O evento acontece de 03 a 12 de agosto no Pavilhão de Exposições do Anhembi.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here